LOADING

Oops...
Slider with alias home 1 not found.

ANGRA DO HEROÍSMO - CENTRO DO MUNDO

Angra a Cidade

A sua centralidade com o Atlântico, as excelentes infraestruturas e as características naturais do território, com uma densidade populacional acima da média nacional, Angra é, atualmente, o local onde vale a pena investir.
No 1.º lugar do ranking de melhor cidade para se viver (2009), o município esforça-se por um equilíbrio das contas camarárias e num conjunto de benefícios aos empresários. Em 2014 17,4% das receitas municipais vieram de impostos, enquanto a média nacional foi de 32,4%. Por habitante, incluindo IMI, o município cobrou cerca de 59€ a cada munícipe, média regional de 70,7€ e nacional de 124,8€.

Angra – a História

Em poucos anos, desde 1478, a povoação foi elevada à categoria de vila e, em 1534, no contexto dos Descobrimentos, foi a primeira do arquipélago a ser elevada à condição de cidade. No mesmo ano, foi escolhida pelo Papa Paulo III para sede da Diocese de Angra com jurisdição sobre todas as ilhas dos Açores.
As razões para esse vigoroso progresso deveram-se à importância do seu porto como escala da chamada Carreira da Índia, centrado na prestação de serviços de reabastecimento e reaparelhamento das embarcações carregadas de mercadorias e de valores. Por essa razão desde as primeiras décadas do séc. XVI aqui foi instalada a Provedoria das Armadas.

Angra – Património

É um conjunto arquitetónico classificado como património mundial pela UNESCO. A integração na lista do património mundial foi decidida na reunião de 7 de dezembro de 1983 realizada na Villa Medicea di Poggio a Caiano (a Ambra), em Florença. A inclusão da Zona Central da Cidade de Angra do Heroísmo (Açores) consta do ponto VIII, recebendo o número de identificação 206 e tendo como critério base os designados por C (iv) e C (vi), por ser um exemplo de um tipo de edifício ou conjunto arquitectónico, tecnológico ou de paisagem, que ilustre significativos estágios da história humana e estar diretamente ou tangivelmente associado a eventos ou tradições vivas, com ideias ou crenças, com trabalhos artísticos e literários de destacada importância universal.

Álamo Meneses - Presidente da Câmara Municipal de Angra do Heroísmo

Um Presidente de Câmara no “Centro do Mundo”

Raquel Gomes Caetano Ferreira

Vereadora da Câmara Municipal de Angra com a tutela do Património Cultural e das Cidades Irmãs

Jorge Forjaz

Historiador

Últimas Notícias